Está indo tudo bem no treino, na atividade física, na caminhada, na corrida, no passeio, no sono, o ritmo está encaixado, e de repente, uma dor intensa na panturrilha, no pé ou na coxa impede que você raciocine e continue a sua normalidade.

Fonte: Angel Bermudez / Facebook

Muita gente enfrenta ou já enfrentou a cãibra em algum momento, e esse fenômeno doloroso e involuntário divide opiniões entre os especialistas em relação à sua origem e tratamento.

Se você já foi acordado durante a noite ou interrompido por um susto repentino, você sabe que as cãibras musculares podem causar dores intensas e desconfortantes. Embora geralmente inofensivas, as cãibras musculares podem tornar temporariamente impossível o uso do músculo ou dos músculos afetados.

Cãibra Muscular - Causas - Sintomas

As cãibras musculares são contrações involuntárias e dolorosas de um ou mais músculos. Elas atingem apenas a musculatura que se conecta com o esqueleto (ossos e articulações) do corpo, como a musculatura posterior da perna, por exemplo. A fibra nervosa (nervo) passa pela coluna vertebral e transmite a informação do sistema nervoso central, para dentro da fibra muscular, sendo responsável pelo fenômeno da contração voluntária e involuntária.

Quando um nervo é estimulado ou danificado, pode fazer com que as fibras musculares sofram uma contração. Muitas vezes o sintoma pode passar despercebido e não indicar nada grave. No entanto, outros tipos de espasmos ou contrações involuntárias podem ser sinal de uma disfunção química ou mecânica que afetou o sistema nervoso.

O sintoma principal da cãibra muscular é a dor intensa, que pode variar para uma dor mais leve. Os músculos atingidos podem ficar duros, enrijecidos e esse sofrimento pode durar alguns segundos a minutos.

A cãibra é uma resposta a um estímulo químico ou mecânico?

A Contração muscular é um processo fisiológico característico das fibras musculares, e podem sofrer um dano químico ou mecânico para realizar um movimento.

Quase todo mundo em algum momento ou outro teria sentido uma cãibra na perna, seja depois de um treino ou até mesmo no meio da noite, se você dormiu de forma estranha ou não. Uma cãibra pode começar durante a atividade física, ao fazer exercício físico intenso, refeições, no pós-cirúrgico de coluna, em portadores de estenose da coluna, no alongamento, no repouso e até durante o sono.

É mais comum uma cãibra começar após uma contração muscular intensa com consequente encurtamento do músculo que está sofrendo o processo.

As causas possíveis da cãibra ainda são estudadas.

As cãibras musculares podem ter muitas causas, embora às vezes a causa seja desconhecida. As causas mais comuns encontradas das cãibras musculares são:

A) Ter 50 anos ou mais;
B) Sentar-se muito tempo sem se mover;
C) Não alongar adequadamente antes da atividade física;
D) Uso excessivo de seus músculos;
E) Desidratação;
F) Baixos níveis de eletrólitos;
G) Carência cálcio, potássio e magnésio na dieta alimentar;
H) Problemas na coluna;
I) Baixo suprimento de sangue para os músculos;
J) Outros...

As cãibras estão associadas a uma série de condições não relacionadas com o esporte ou exercício. A falta de condicionamento físico e a fadiga podem ser responsáveis pelas cãibras e outras lesões musculares.

Problema da coluna pode estar por trás de muitas cãibras

Problema na coluna sintomático, assintomático e no pós-cirúrgico pode provocar a cãibra como resultado de uma compressão sobre a raiz nervosa ou pinçamento de um nervo na coluna vertebral. Nos idosos, o estreitamento das artérias que irrigam os membros inferiores causados pela aterosclerose ou pela desidratação normal do corpo pode provocar cãibras.

Outras causas incluem a desidratação, exercícios extenuantes e alongamento intensos em músculos da perna que afetam a coluna lombar, por exemplo. A desidratação dos discos vertebrais associado a artrose na coluna vão aproximar as vértebras, e essa condição vai provocar mais contato (pinçamento) e irritação sobre as fibras nervosas sensitivas ou motora. Isso por sua vez vai provocar um dano que pode causar a cãibra, a incapacidade, fraqueza muscular e as dores na coluna e irradiada.

A coluna vertebral e a cãibra

Estudo indica que a prevalência de cãibras noturnas nas pernas está associada o estreitamento da coluna vertebral (estenose) e gravidade dos sintomas, ou seja, existe uma relação de cãibras noturnas nas pernas por compressão do nervo espinhal em casos de estenose espinhal.

A estenose espinhal é o estreitamento do canal vertebral ao longo do tempo, causando grandes problemas de saúde devido à compressão dos nervos espinhais. A estenose espinhal é mais comum em indivíduos mais velhos, e é mais comumente acompanhada por espasmos musculares ou movimento muscular descontrolado.

A cãibra e a deficiência de nutrientes no organismo

Contrações musculares, tremores e cãibras musculares são sinais de deficiência de magnésio.

Os cientistas acreditam que esses sintomas são causados por um maior fluxo de cálcio nas células nervosas, que superexcita ou hiperestimula os nervos musculares.

A interrupção momentânea do fluxo circulatório pode estar por trás da cãibra?

O uso excessivo de um músculo, desidratação, tensão muscular ou simplesmente manter uma posição por um período prolongado pode causar cãibras musculares. Em muitos casos, entretanto, a causa não é conhecida. Embora a maioria das cãibras musculares seja inofensiva, algumas podem estar relacionadas a uma condição médica subjacente, como: Suprimento de sangue inadequado e deficiência de nutrientes.

Longos períodos de exercício ou trabalho físico, principalmente em climas quentes, podem causar cãibras musculares. Alguns medicamentos e certas condições médicas também podem causar cãibras musculares. Geralmente, você pode tratar as cãibras musculares em casa com medidas de autocuidado.

O que fazer para Prevenir as Cãibras Musculares?

Você pode tomar algumas medidas simples para reduzir as chances de ter as cãibras musculares no seu treino, na atividade física, esportes, caminhada ou noturna, que atinge a sua panturrilha, sua coxa ou seu pé. Isso inclui manter-se ativo, manter-se hidratado, alongar-se antes de iniciar qualquer tipo de atividade física, prevenir e tratar as suas dores nas costas e irradiada, e manter uma boa alimentação.

Fisioterapia Avançada na prevenção e tratamento da cãibra.

O tratamento com a Fisioterapia Avançada tem sido mais promissor, para compreender e corrigir a disfunção musculoesquelética que atingiu a coluna vertebral, em especial, para ajudar os pacientes com história de dor crônica nas costas e irradiada. A avaliação física da Fisioterapia Avançada vai descobrir a origem dos sintomas, e corrigir o problema de coluna com o foco na correção da disfunção, na melhora da postura que se altera com a idade, e na prevenção da osteoporose e artrose, que aproximam as vértebras, resultando na compressão ou pinçamento das fibras nervosas sensitivas e motora, provocando um dano que estimulará e provocará a cãibra e/ou dores nas costas e irradiadas para as pernas e braços.

Dr. Abnel Alecrim, Fisioterapeuta, Pós-graduação em Reabilitação Musculoesquelética e Esporte, Campinas, SP, Brasil.

Fonte:

- Biblioteca Nacional de Medicina dos EUA (PMC)
- Mayo Clinic
- Novus Spine & Pain Center

.

.

Deixe seu recado:

Entre em Contato

(19) 3308-6330

Segunda à Sexta das 8h às 18h.

Lista Vip Doutor Abnel